ATIVIDADES/EXERCÍCIOSTeoria da Comunicação

TEORIA DA COMUNICAÇÃO – Discurso direto e indireto

By 14 de janeiro de 2011 10 Comments

TEORIA DA COMUNICAÇÃO – Discurso direto e indireto

Discurso direto é a reprodução escrita e exata do modo como as personagens falam. A fala de cada personagem é antecedida de dois pontos e travessão. Discurso indireto é a apresentação escrita do assunto da fala dos personagens, sem a reprodução exata do modo como falam. Não existe o uso de dois pontos e travessão.

1. Classifique, em direto ou indireto, os discursos existente nas narrações abaixo:

a)     O garotinho saiu do cabeleireiro com a mãe. Na rua perguntou:

–        Mamãe, por que a senhora vai ao cabeleireiro?

A mãe respondeu:

–        Ué! Pra ficar bonita.

O garotinho olhou bem a mãe e perguntou:

–        E por que não fica?

b) O professor perguntou a um aluno o que existe no início da razão, no meio da sorte e no fim do amor. O aluno ficou meio atrapalhado com a pergunta. Pensou, pensou e depois respondeu que no início da razão, no meio da sorte e no fim do amor existe a letra R.

2. Transforme estes discursos indiretos em discursos diretos:

a)     Às três da manhã, muito preocupada com o almoço daquele dia, a mulher acordou o marido e lhe perguntou se gostava de pepino. O marido olhou para a mulher e respondeu que gostava, sim, mas naquela hora não queria.

b)     Um bêbado, saindo do bar, viu aquela luz clara no céu e ficou admirado. Quando outro bêbado passou por ali, ele perguntou se aquilo era o Sol ou a Lua. O outro bêbado respondeu que não sabia porque morava em outra cidade.

3. Transforme estes discursos diretos em discursos indiretos:

a) Um navio começou a naufragar. Um homem continuou sentado, vendo o desespero de todos. Uma mulher chegou perto dele e disse:

– O navio está afundando e o senhor fica aí, parado?

O homem, então, explicou:

–  Não tenho nada com isso, não sou o comandante…

b)     A menina chegou perto do sorveteiro e disse:

–        O senhor me deu o troco errado.

O sorveteiro zangou-se e replicou:

–        Aqui, ninguém erra!

A menina disse, então, já indo embora:

–        Pensei que dar dinheiro a mais fosse erro…

c)     – Ela é bonita? perguntou o rapaz.

d)    – O ladrão fugiu! – disse o policial.

e)     – Lave direito as mãos! – pediu-lhe a mãe.

f)      – Chute a bola! gritou o técnico.

g)     – Os alunos demorarão para sair? perguntou a mãe.

h)     – Ninguém sairá antes do horário – garantiu o diretor.

i)      – Marchem! ordenou o sargento aos soldados.

j)      – Aquele livro é meu – disse a menina.

k)      – Aquela história é veridica? – perguntou o menino

l)      – Aquilo lhe pertence? – perguntou o rapaz.

__________________________________________

GABARITO

Questão 1. a) discurso direto        b) discurso indireto

Questão 2 e 3. As respostas são individuais e devem apresentar as características do discurso solicitado.

10 Comments

Leave a Reply