ATIVIDADES/EXERCÍCIOSLiteratura

ATIVIDADES DE LITERATURA – A CIGARRA E A FORMIGA

By 4 de fevereiro de 2011 4 Comments

ATIVIDADE DE LITERATURA

A CIGARRA E A FORMIGA   –   (Fábula de La Fontaine – Tradução de Bocage)

Quem foram La Fontaine e Bocage?

O primeiro era francês e viveu durante o século XVII e frequentava a corte do Rei Luis XIV. Escreveu contos, poesia e comédias, mas foram suas fábulas que lhe deram fama. Para escrevê-las reinventou os temas usados por ESOPO, poeta grego, e FEDRO, poeta romano.

E Bocage? Quem era? Era poeta português e viveu no século XVIII. Ficou mais conhecido pelas suas poesias satíricas e menos por suas outras obras.

O texto abaixo, escrito por La Fontaine, foi traduzido por Bocage.

Tendo a cigarra em cantigas

Folgado todo o verão,

Achou-se em penúria extrema

Na tormentosa estação.

Não lhe restando migalha

Que trincasse, a tagarela

Foi valer-se da formiga,

Que morava perto dela.

Rogou-lhe que lhe emprestasse,

Pois tinha riqueza e brio,

Algum grão com que manter-se

Té voltar o aceso estio.

A formiga nunca empresta,

Nunca dá, por isso junta,

“No verão em que lidavas?”

À pedinte ela pergunta.

Responde a outra: “Eu cantava

Noite e dia, a toda hora.”

– Oh! bravo! – tornou a formiga –

Cantavas? Pois dança agora!”

__________________________________

ATIVIDADE 1 – O texto acima foi escrito na forma de poesia. Transforme a história da cigarra e da formiga num texto em prosa.

Orientações para o professor:

Senhor professor, a atividade 1 deve ser antecedida por:

  • explicação sobre o que é prosa e poesia;
  • leitura silenciosa com consultas ao dicionário a respeito das palavras desconhecidas.

O resultado dos textos escritos pelos alunos devem ser corrigidos, tendo-se como critérios a correção ortográfica, a hierarquia dos fatos apresentados (princípio, meio e fim) e a utilização correta do significado das palavras, no texto produzido.

Dica: Como você, professor, não tem muito tempo para corrigir todas as redações que são produzidas, você deve escolher as redações de uns poucos alunos para corrigi-las criteriosamente e atribuir-lhe uma nota. Quanto às outras redações, você pode, após a término da atividade, pedir que as mesmas sejam trocadas entre os colegas, para que eles façam essa correção. Naturalmente que isso não será feito para atribuição de notas, mas para que o trabalho não fique sem ser avaliado por alguém.

_________________________________________________________

ATIVIDADE 2 – Memorize a poesia e declame-a para sua classe ouvir.

Orientações para o professor:

Professor, esta atividade não deve ser imposta a toda a turma, mas os alunos devem escolher fazê-la. O objetivo é descobrir talentos escondidos e dar oportunidade para os inibidos.

Sua ação, como professor, é orientar o aluno em como esta poesia deve ser declamada.

_________________________________________________________

ATIVIDADE 3 – Identifique no texto, as palavras que você não sabe o significado e procure em um dicionário de português o que querem dizer. Depois disso, relate, em uma pequena redação, o que você entendeu da história.

Orientações para o professor:

Senhor professor, a atividade 3 deve ser antecedida por leitura silenciosa com consultas ao dicionário a respeito das palavras desconhecidas.

Os textos escritos pelos alunos devem ser corrigidos, tendo-se como critérios:

  • a correção ortográfica,
  • a identificação do tema que pode ser apresentado como a moral da história
  • e a aplicação prática desse tema, na vida das pessoas.

Dica: Como você, professor, não tem muito tempo para corrigir todas as redações que são produzidas, você deve escolher as redações de uns poucos alunos para corrigi-las criteriosamente e atribuir-lhe uma nota. Quanto às outras redações, você pode, após a término da atividade, pedir que as mesmas sejam trocadas entre os colegas, para que eles façam essa correção. Naturalmente que isso não será feito para atribuição de notas, mas para que o trabalho não fique sem ser avaliado por alguém.

4 Comments

Leave a Reply