ATIVIDADES/EXERCÍCIOSLiteratura

ATIVIDADE DE LITERATURA 1 – TROVADORISMO (nível Médio e Superior)

By 31 de março de 2011 One Comment

ATIVIDADE/EXERCÍCIO DE LITERATURA 1 PERÍODO LITERÁRIO: Trovadorismo  –   Nível: Médio e Superior Para responder aos exercícios de compreensão de texto é preciso:

  1. ler atentamente o texto completo;
  2. ler atentamente cada uma das alternativas, comparando o que elas afirmam com as afirmações do texto;
  3. selecionar a alternativa correta;
  4. mesmo que você tenha absoluta certeza de que a alternativa escolhida é a correta, não deixe de ler as outras, pois sempre há a possibilidade de que outra alternativa se aproxime mais do conteúdo do texto.

TEXTO 1

1         “A viragem da vida social e política, iniciada no século XII, corresponde a uma viragem na vida cultural. É nesta época que verdadeiramente se inicia o renascimento geral da cultura, que virá a dar os seus melhores frutos na grande Renascença do século XVI.

2.          Na arte, à austeridade maciça e guerreira do estilo romântico sucede a riqueza, diversidade e graça do estilo gótico, cujo progresso técnico se relaciona com um artesanato hábil e organizado, e com uma burguesia mais ambiciosa, animada de uma crescente alegria de viver. As expressões características do feudalismo guerreiro na literatura foram os cantares épicos, como os Niebelungos, as sagas nórdicas e as canções de gesta francesas. No século XIII, as canções de gesta francesas, das quais a mais célebre é a “Chanson de Roland”, estão já entradas em declínio. Mas, na Península Ibérica, devido, possivelmente, à persistência da mentalidade guerreira por ação das lutas contra os árabes, o gosto da literatura heróica prolonga-se até mais tarde, como veremos.

3.      Em contraste com o sentimento gregário, hierárquico e bárbaro das canções de gesta, e com os seus temas sanguinolentos, o lirismo oriundo de Provença é marcadamente individualista, suprime as distâncias sociais com o salvo-conduto do amor, transpõe a ideia de vassalagem ao plano de submissão do amante e canta o que há de delicado, sutil e suave na mulher e na Primavera.

4.     O florescimento e a propagação do lirismo provençal correspondem ao desenvolvimento da vida da corte, que se concentra em torno de reis e dos grandes magnatas senhoriais.

5.     As canções épicas, relegadas para as populações rurais, sucede nas cortes o romance cortês em prosa, que da França do Norte irradia para toda a Europa. Originado possivelmente nas lendas nacionais e nos motivos folclóricos dos celtas ingleses, desde cedo, um dos ciclos de romances desta época – o ciclo bretão – reflete o ambiente e os interesses da vida da corte, de que a Távola Redonda do Rei Artur é, afinal, uma idealização.

6.          O ciclo novelístico bretão adaptou-se, ao longo do tempo, a diversos gostos e influências religiosas que orientaram seus herois para a busca do Santo Graal, símbolo da Graça Divina, e contrapuseram aos herois amorosos, como Tristão e Lançarote, outros ascéticos, como Galaaz e Perceval.”

(SARAIVA, A.J. e LOPES, O. – História da Literatura Portuguesa. 5ª Edição, Porto Editora, Porto)

Vocabulário: Viragem – mudança de rumo

__________________________________________________

Marque a única alternativa correta no conjunto das cinco apresentadas.

No texto acima o autor afirma que:

1. a. (   ) a austeridade do estilo romântico é fruto do progresso técnico da época, aliado a um artesanato hábil e organizado.

b. (   ) ao estilo gótico sucedeu o estilo romântico.

c. (   ) já no século XII encontramos germens da grande Renascença do século XVI.

d. (   ) a burguesia é ambiciosa e animada de uma crescente alegria de viver.

e. (   ) nenhuma das alternativa é correta.

2. a. (   ) os Niebelungos, as sagas nórdicas e as canções de gesta francesas opõem-se ao feudalismo guerreiro.

b. (   ) “Chanson de Roland” é uma célebre canção de gesta francesa.

c. (   ) as canções de gesta francesas surgiram no século XIII.

d. (   ) é típico dos povos ibéricos uma mentalidade guerreira.

e. (   ) nenhuma das alternativas é correta.

3. a. (   ) nas canções de gesta, o sentimento gregário, hierárquico e bárbaro entra em contraste com seus temas sanguinolentos.

b. (   ) apesar de seu marcado individualismo, o lirismo provençal não suprime as distâncias sociais.

c. (   ) mesmo depois da propagação do lirismo provençal e do desenvolvimento da vida da corte, os reis e grandes senhores continuaram a ser públicos para as canções épicas.

d. (   ) o lirismo provençal transpondo a vassalagem para um plano sentimental e cantando a delicadeza da mulher e da primavera, opõe-se às canções de gesta.

e. (   ) nenhuma das alternativas é correta.

4. a. (   ) o ciclo novelístico bretão, cristianizando-se, transforma o caráter de seus herois, de amorosos, em ascéticos.

b. (   ) o romance cortês teve imediata e considerável aceitação por parte das populações rurais.

c. (   ) nas origens do ciclo bretão encontram-se lendas nacionais portuguesas.

d. (   ) dentre os herois do ciclo novelístico bretão, Tristão opõe-se a Lançarote, assim como Galaaz a Perceval.

e. (   ) nenhuma das alternativas é correta.

5. a. (   ) é de oposição a relação existente entre austeridade e estilo romântico, assim como se opõem delicadeza e estilo gótico.

b. (   ) nada existe, na Idade Média, que faça prever o grande Renascimento do século XVI.

c. (   ) a mentalidade guerreira na Península Ibérica desaparece quando entra em declínio o gosto pelas canções de gesta francesas.

d. (   ) o ciclo novelístico bretão, por ter um público principalmente palaciano manteve-se imune às influências religiosas.

e. (   ) nenhuma das alternativas é correta.

_____________________________________________

GABARITO 1. C       2. B      3. D       4. A       5. E

One Comment

  • chutar prova disse:

    Adorei o seu post. É importante que continue mantendo a boa qualidade de seu conteúdo, pois isso é complicado, no momento, na net. Às vezes visito aqui para me atualizar. Ótimo trabalho!

Leave a Reply